fatal hamartia
Estamos em 438, datado pós a estadia da luz
/////////////

— HABILIDADES, filhos do tempo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

— HABILIDADES, filhos do tempo

Mensagem por Cão do Inferno em Ter Maio 23, 2017 12:51 am

Globos fartos, retrato exibido nas bolsas sob as pálpebras. A travessia do sorriso descreve-se dessa maneira, travessa, por conta da face supostamente inocente. Como o tempo corrente e sequencial, símbolos do fluxo temporal, adotam a constância como o principal composto da psique. A oxirredução perfuma os neurônios das crias dos períodos, pois se veem como criaturas de almas obsoletas. Há previsível oscilação entre, ao mesmo tempo, dos diferentes gêneros de irmãos, muitos recorrem ao estilo de existência solitário, já que tem o conhecimento de quem sempre assistiram os entes perecerem antes os olhos.





i. longevidade, és tu uma pequena semente da árvore das linhas temporais. A teus olhos, assim como aos da face terrena, a vida é uma linha cumprida, porém, ainda frágil. Esse traço dessemelha dentre os demais. Como um manto, a degeneração não interfere em tua comparência. Faz-te sobreviver éons se não se rompe o fio.

ii. memórias, o trabalhador central reage com uma propriedade quanto passagens. És eidético, não dando-se ao luxo de conduzir ao esquecimento. Mostra-se como um resultado involuntário a ascendência divina, já que és prole do senhor do tempo. Mesmo que escondidas em uma camada revestida, episódios são resguardados.

iii. história, o funcionamento de teus sentidos dá-se como um leitor. Considere-te um biógrafo. O contato visual a outros é perigoso, independentemente das partes. Afinal, sabes vê-los, os capítulos da vida, expostos como a ascensão do sol pela manhã. Realiza-te ao fazer acesso no passado de terceiros, transcritos em versos tão além quanto possam se recordar.

iv. ventríloquo, a maior criação do progenitor, a insígnia da eternidade, foi dar-te o dom de sempre estar certo. Não pense na constatação como afirmação, pois é relativa. Tendo vislumbres históricos, do mesmo jeito assiste estruturas neurológicas perante o campo de visão. És um programador, além de um construtor; tens ciência de quais fios puxar para beneficiar a ti mesmo.

v. marionete, és alvo de temor, tu, por aqueles que reconhecem os vastos e longínquos caminhos, os quais teus dons estendem-se. Frutos de primordiais acarretam nisso, para a infelicidade de tais. No entanto, andar só a um trata-se de uma escolha tua. Não és da persuasão de onde extrai poder para conquistar os entes, mas, sim, do que pode enxergar além da normalidade. Arquitete a apresentação de tuas marionetes, meu senhor.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum